Notícias

Quando devo procurar a UPA?

dsc_6700

Ninguém está livre de imprevistos e os acidentes acabam acontecendo. Por isso é sempre bom descobrir o melhor local para tratar cada evento que ocorre em nossas vidas. Nos momentos de emergência, onde nossa saúde está em risco, muitas pessoas têm dúvida por qual serviço de saúde deve recorrer. Para não passar horas numa fila de atendimento que pode não ser o local adequado para o tratamento, mostraremos quando devemos procurar uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento).

As Unidades de Pronto Atendimento (UPA), funcionam 24h por dia, sete dias por semana. É uma estrutura de complexidade intermediária, ou seja, para casos com gravidade média de urgências  (quando não há risco de vida) e emergências. Estas unidades estão diretamente ligadas ao SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Na UPA encontramos raio-X, eletrocardiografia, pediatria, laboratório de exames e leitos de observação e ainda colabora para a diminuição das filas nos prontos-socorros dos hospitais. Quando o paciente chega às unidades, os médicos prestam socorro, controlam o problema e detalham o diagnóstico. Na UPA, o paciente será estabilizado e, quando necessário, será encaminhado ao pronto-socorro do hospital.

Quando devo procurar a UPA?

Em casos como:

  • Problemas de pressão;
  • Corte com pouco sangramento;
  • Queda com torsão e muita dor;
  • Queda com suspeita de fratura;
  • Febre alta;
  • Fraturas;
  • Cólicas renais;
  • Intensa falta de ar;
  • Convulsão;
  • Dores no peito;
  • Vômito constante.

Fonte: Blog da Saúde (Ministério da Saúde)

4 comentários em "Quando devo procurar a UPA?"

  1. FRANCISCO disse:

    Fui na upa do larápio Jardim gramacho duque de caixa rj e foi rápido e muito bom valeu mesmo ótimo

  2. Silvana disse:

    Nunca fui tão mal atendida em um lugar como na UPA do Núcleo Bandeirante de Brasília, as enfermeiras são péssimas atende se achando que são melhores dos que procuraram atendimento. Elas ainda tem muito que aprender.

  3. Silvana disse:

    Nunca fui tão mal atendida em um lugar como na UPA do Núcleo Bandeirante de Brasília, as enfermeiras são péssimas atende se achando que são melhores dos que procuraram atendimento. Elas ainda tem muito que aprender.

  4. Silvana disse:

    Nunca fui tão mal atendida em um lugar como na UPA do Núcleo Bandeirante de Brasília, as enfermeiras são péssimas atende se achando que são melhores dos que procuraram atendimento. Elas ainda tem muito que aprender.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *