Notícias

Mensagem de Ano Novo

shutterstock_1096079954

O Observatório da Saúde levou aos seus leitores, no ano que passou, uma série de matérias capazes de contribuir para uma compreensão mais abrangente da Saúde. Falou-se, muitas vezes sobre a importância do bom funcionamento de um sistema de saúde gratuito e universal. Analisaram-se, com pormenores, os fatores econômicos e políticos necessários para esse funcionamento e enfatizou-se a importância da responsabilidade de cada um de nós, não só para com a sua própria saúde, mas também para com a saúde da comunidade. Foi também lembrado o destaque que deve ser dado à Prevenção e à Promoção da Saúde no planejamento das ações a serem executadas. Não por acaso, manteve o Observatório colunas específicas sobre essas questões fundamentais.

Entramos um novo ano com a preocupação de ampliarmos ainda mais o âmbito da discussão da difícil tarefa de se prover saúde de qualidade para 208 milhões de pessoas, a população do nosso país.

O tamanho deste desafio, longe de nos desanimar, nos leva a buscar, na experiência de outros povos e nações, formas de superá-lo. Neste sentido, procuraremos trazer essas contribuições aos nossos leitores, compartilhando assim conhecimentos por enquanto restritos a um limitado círculo de especialistas. Continuaremos a chamar a atenção para o fato de que a Saúde é antes de tudo uma questão de cidadania, pois que envolve aspectos os mais diversos, tais como, o ambiente de trabalho e moradia, o aprimoramento do nível educacional e cultural da população, mudanças nos hábitos de alimentação e da prática de exercícios, e assim por diante.

Não há como negar os extraordinários progressos científicos já alcançados. No entanto, precisamos avançar mais nas “ciências humanas” – que tratam do comportamento humano, de hábitos e costumes – indispensáveis ao bom relacionamento, à solidariedade e ao compartilhamento de bens e esforços, capazes de nos levar a uma sociedade verdadeiramente saudável.

Um 2019 de muitos avanços e realizações para todos nós!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *