Notícias

Dia Mundial do Câncer: todos nessa luta!

Em 2020, o Dia Mundial do Câncer, comemorado em 4 de fevereiro, completa 20 anos. Para celebrar a data, o Instituto Nacional do Câncer (INCA) está lançando a publicação Estimativa 2020: Incidência de Câncer no Brasil. A campanha terá como tema #IAmAndIWill (#EuSoueEuVou), proposto pela União Internacional para o Controle do Câncer (UICC).

O slogan “Eu sou e Eu vou” é um apelo ao compromisso pessoal: representa o poder que uma ação individual tomada no momento certo tende a influenciar o futuro. A ideia é mostrar que qualquer pessoa tem o poder de reduzir o impacto potencial do câncer na própria vida e na vida das pessoas que ama.

Esta data se torna ainda mais relevante para a conscientização em todo o mundo porque a epidemia global de câncer tende a aumentar nos próximos anos. Atualmente, 7,6 milhões de pessoas no planeta morrem, todo ano, em decorrência da doença. Dessas, 4 milhões têm entre 30 e 69 anos. Se continuar assim, estima-se que, em 2025, serão 6 milhões de mortes prematuras.

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), a maior parte das pessoas diagnosticadas com câncer vive em países de baixa e média renda. Menos de 30% destas nações têm serviços de diagnóstico e assistência acessíveis, o que atrasa o tratamento.

A cada ano, a iniciativa global, liderada pela UICC, procura conscientizar pessoas de todo o mundo, melhorar a educação mundial sobre a doença e estimular ações pessoais, coletivas e governamentais, em busca de um mundo onde milhões de mortes causadas pelo câncer possam ser evitadas e o acesso ao tratamento e cuidado para pacientes de câncer sejam igual para todos.

De acordo com dados divulgados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em 2016, o câncer é a segunda principal causa de morte no Brasil, perdendo apenas para doenças do aparelho respiratório. De acordo com a publicação, os cânceres mais incidentes no país são: os de pele (não melanoma), mama, próstata, colorretal, pulmão, cavidade oral e estômago.

Apesar de, muitas vezes, o câncer ter carga genética, existem alguns hábitos que podem reduzir o risco de seu aparecimento. Um terço das mortes por câncer está relacionado a hábitos ruins.

O INCA alerta para alguns “estilos de vida” e oferece algumas dicas de prevenção: não fume, não beba em excesso, tenha bons hábitos alimentares (procure manter uma alimentação balanceada, rica em frutas, legumes, verduras, cereais e leguminosas), mantenha o peso corporal adequado, pratique atividades físicas, faça exames regularmente (de acordo com o que sua faixa etária exige), vacine-se contra a hepatite B, evite exposição ao sol entre 10 e 16h, use protetor solar e evite se expor, principalmente no trabalho, a substâncias químicas, físicas e biológicas, que possam ser cancerígenas.

A hora de agir é agora. Junte-se a nós na luta contra o câncer! A vida é sempre prioridade!

Um comentário em "Dia Mundial do Câncer: todos nessa luta!"

  1. Marcio Meirelles disse:

    Infelizmente, a importância das substâncias cancerígenas presentes no ambiente de trabalho tem sido largamente subestimada. As empresas e os próprios trabalhadores precisam ser sempre alertados sobre como lidar com esse grave problema. Para isso, vale a pena consultar as dicas oferecidas pelo Ministério da Saúde e o Instituo Nacional do Câncer (INCA).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *