Dr. Newton Richa

Programa Saúde do Futuro

Por Dr. Newton Richa

Aprendendo com a Experiência Canadense

Coluna Cultura de Saúde
Dr. Newton Miguel Moraes Richa - Médico do Trabalho

Aprendendo com a Experiência Canadense

Em seu livro Saúde Uma Estratégia de Mudança, o Médico Sanitarista Mario M. Chaves descreve a experiência vivida pelos canadenses nos anos 1970, período em que foi feito, naquele país, um grande investimento na estrutura hospitalar, compra de equipamentos e contratação de profissionais de saúde. Os dirigentes acreditavam que um sistema de assistência médico-hospitalar robusto era suficiente para assegurar a saúde da população.

Apesar da ampliação dos hospitais houve um aumento das doenças no país, mostraram as estatísticas oficiais nos anos seguintes.

Em consequência, em 1975, Marc Lalonde, Ministro da Saúde do Canadá, liderou uma ampla reestruturação do Sistema de Saúde que abandonou a postura reativa de esperar a população adoecer e implantou 4 linhas de atuação: valorização do conhecimento em biologia humana, proteção ambiental, modificação no estilo de vida dos canadenses e reorganização do Sistema de Saúde.

A melhoria na qualidade do ambiente incluiu os ambientes de trabalho e outros locais de permanência das pessoas, para proteger sua saúde. Amplo esforço para educar a população na adoção de hábitos saudáveis foi feito e, complementarmente, o Sistema de Saúde foi reestruturado e passou a desenvolver programas de prevenção de doenças. Em consequência dessas mudanças o Canadá é hoje um dos países líderes em gestão de saúde no mundo.

Uma lição para todos: não se melhora as condições de saúde da população apenas com a oferta de serviços médico-hospitalares. São essenciais as ações preventivas nas moradias, nos ambientes de trabalho e nos outros locais de permanência das pessoas. As ações preventivas aplicadas em massa reduzem o risco de doenças e melhoram os níveis de saúde da população. A redução da demanda de doentes possibilita o atendimento adequado daqueles casos onde a prevenção tenha falhado. O resultado é uma população mais saudável, mais produtiva, melhor assistida ao adoecer e uma grande economia de gastos resultante da prevenção, que é, antes de tudo, um excelente negócio.

Saúde: melhor compreender para melhor cuidar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *