Notícias

Aleitamento materno: fundamental para o bebê e benéfico para a mãe

amamentação2
Por Maylaine Nierg
redacao@observatoriodesauderj.com.br

O leite materno é a combinação de todos os nutrientes que um bebê precisa para se manter saudável e perfeitamente alimentado. Além de colaborar para a formação do sistema imunológico das crianças, a amamentação também previne problemas como obesidade, intolerância ao glúten, alergias e anemia.

De acordo com o Ministério da Saúde, apesar de todos os esforços de conscientização, o número de mães que amamentam seus filhos vem diminuindo no Brasil. Em nível mundial, uma das estratégias para evitar esse problema é a Semana Mundial de Aleitamento Materno, comemorada entre os dias 01 e 07 de agosto. No Brasil, a campanha conta com o apoio do Governo e de diversas entidades públicas e privadas.

Porque o leite materno é indispensável

Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), o leite materno é o alimento ideal para o bebê, pois supre todas as suas necessidades nutricionais até os seis primeiros meses de vida, inclusive, dispondo de água para mantê-lo hidratado. A recomendação da Organização Mundial da Saúde é que o bebê receba o aleitamento materno até os dois anos de idade.

Outro grande benefício da amamentação, apontado por especialistas, é a capacidade que esse ato tem de estreitar o vínculo afetivo entre a mãe e o bebê. O fortalecimento dessa relação, por sua vez, faz com que o bebê desenvolva melhor capacidade de se relacionar com as pessoas ao longo de sua vida.

Amamentação auxilia a recuperação da mãe no pós-parto

As mães também desfrutam de inúmeros benefícios da amamentação, entre eles, o desprendimento da placenta, contribuindo para a volta do útero ao seu tamanho normal. Além disso, um estudo realizado pela Universidade de Pittsburgh, nos Estados Unidos, mostrou que o ato de amamentar também reduz os riscos de doenças cardíacas.

A pesquisa envolveu 140 mil mulheres, avaliadas na fase da pós-menopausa, ou seja, com média de 63 anos, e o resultado evidenciou que as que tinham amamentado por mais de um ano tiveram 10% menos risco de sofrer com essas doenças, se comparado com aquelas que nunca amamentaram.

Fontes:
Ministério da Saúde
Sociedade Brasileira de pediatria
Revista Crescer: https://revistacrescer.globo.com/Bebes/Amamentacao/noticia/2013/02/16-beneficios-da-amamentacao.html

2 comentários em "Aleitamento materno: fundamental para o bebê e benéfico para a mãe"

  1. Marcio Meirelles disse:

    É de se lamentar que ainda haja tão pouca compreensão sobre as vantagens da amamentação para as mães e seus bebês. Mães que querem amamentar enfrentam toda sorte de obstáculos e preconceitos . O assunto talvez devesse merecer um destaque maior nas lutas pelos direitos da mulher. E, claro, pelos direitos dos bebês, também.

  2. Marcio Meirelles disse:

    É de se lamentar que ainda haja tão pouca compreensão sobre as vantagens da amamentação para as mães e seus bebês. Mães que querem amamentar enfrentam toda sorte de obstáculos e preconceitos . O assunto talvez devesse merecer um destaque maior nas lutas pelos direitos da mulher. E, claro, pelos direitos dos bebês, também.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *